Destaque

Li Dias de Despedida – Jeff Zentner.

 

 

Dias de Despedida – Jeff Zentner.

t1t1t1t1t1

 

 

No geral é um livro que fala sobre Luto e tudo aquilo que vem com ele: A culpa, a reflexão, os milhares de Se’s, a dor, a solidão, as perguntas e mais dor. A leitura foi angustiante, sofrida, mas muito interessante, acho incrível quando sinto fisicamente as reações ao que estou lendo. É um desses livros que mexem com você, que tocam na alma.

“Na maioria das vezes, a gente não guarda as pessoas que ama no coração porque elas nos salvaram de um afogamento ou nos tiraram de uma casa em chamas. Quase sempre, nós as guardamos no coração porque, em um milhão de formas serenas e perfeitas, elas nos salvaram da solidão.”

Não dá para contar muito, por que é aquele tipo de leitura que você precisa sentir. Vale deixar registrado que os flashes back me machucaram demais.

Para mais sobre as minhas leituras: Skoob e Goodreads

                                      Bjins e até mais!! 😚

 

Li Vacas – Dawn O’Porter.

t1t1t1t1t1
0. pequenos (3)

 

Antes: A forma como uma das protagonistas que na história é Blogueira fala sobre escrita, sobre o que ela sente ao escrever, como ela relata isso é tão lindo e inspirador, fiquei encantada com essa parte da história. Me identifiquei tanto com essas passagens, até coloquei uma delas aqui no blog em destaque, mas vou repetir abaixo para lerem!

“As palavras que ficavam entaladas na minha garganta agora saem pelos meus dedos com facilidade. Não sei quem eu teria me tornado se não tivesse esse escape. E sabe qual a melhor parte? Posso me conectar com centenas de milhares de pessoas todos os dias sem ter que articular uma palavra. Sugiro que tente. Que poste seus sentimentos na Internet. Mesmo que ninguém os leia agora, um pedaço seu vai ficar ali para sempre. Isso é meio mágico!” 

Agora vamos ao livro no geral:
E que livro! A história conta a vida de três mulheres, mas poderia ser de 10,100,1000, infinitas. Ao longo de toda a caminhada dessas personagens, vamos acompanhando situações que passamos e/ou conhecemos alguém que passou, muitas delas tão comuns, que se tornaram “banais”, mas a autora mostra sem dó todo o sofrimento, trauma que tudo isso pode causar e nos estapeia a cada ponto para reflexão. É angustiante ler os que essas personagens sofrem, mas reconhecer o problema é o primeiro passo, o que traz esperança de podemos e vamos mudar isso… um dia!

Outro ponto levando com muita inteligencia é que nós, mulheres devemos nos ajudar e ajudar as outras, precisamos para de enxergar em outras: Rivais, e passar enxergar nelas: Aliadas!

“O que impede você? Do que você tem medo? Dos homens? Por quê? De outras mulheres? Bem, isso é idiotice. Os homens só progrediram mais que nós na sociedade porque nos dominam com ações e atitudes. Simples assim. Para alcançar o equilíbrio, precisamos agir. Se sente que está sendo dominada e que isto está te impedindo de avançar, IMPEÇA isso. Se alguém está tratando você como objeto por causa da sua sexualidade, RECUSE os rótulos. Se tem alguém te impedindo de conquistar o que você quer, FALE. Se a pessoa continuar no seu caminho, SIGA EM FRENTE. Pare de se fazer de vítima, dizendo: “`Por eu ser mulher” e “ser mulher é difícil porque” no começo de cada frase para descrever seu sucesso ou fracasso. Tire o fato de ser mulher da equação, siga em frente e conquiste. Você tem o poder de moldar seu próprio destino, você tem o poder de ditar como as pessoas te tratam. Você tem o poder de não ser diminuída, rebaixada ou intimidada”.

Para mais sobre as minhas leituras: Skoob e Goodreads

                                      Bjins e até mais!! 😚

Li livros da Série Marvel – Novo Século.

Eu adoro o universo de heróis, acompanho pelos filmes, séries e sou apaixonada. Sempre quis ler, mas são muitos quadrinhos e nunca conseguia começar a ler tudo isso. Até que a novo século resolveu essa questão ao romancear as principais histórias do Universo Marvel. Não perdi tempo e comecei a minha coleção. Vou contar hoje dos cinco primeiros que eu li e assim que eu completar mais cinco lidos, volto e conto mais!

 

 

O Toque da Vampira – Christine Woodward 

t1t1t1t1t5

Minha primeira experiência com essa coleção. Eu não conhecia nem a história, mas achei divertido e fiquei muito curiosa para os próximos volumes. Aqui conhecemos a Vampira em suas raízes, vale demais a leitura!

                                                                   

 Guerra Civil – Stuart Moore

t1t1t1t1t10. pequenos (3)

Finalmente sei do que se trata mais profundamente essa guerra, de cara já posso dizer que é muito mais do que tirar as máscaras ou permanecer com ela. ❤️💙Com a atual situação do nosso país essa leitura foi em alguns momentos bem mais pesada e até complicada porque eu consegui trazer toda essa ficção para a realidade, infelizmente. O que engrandeceu a leitura, mas mexeu com sentimentos e reflexões que claro eu não esperava ao iniciar a leitura. Voltando aos vingadores, todos têm suas razões, suas verdades e a história e sim muito bem construída e explicada. Outro ponto forte foi poder estar em contato com tantos heróis numa mesma história. Como disse antes eu não acompanho os quadrinhos, mas agora tenho a chance de acompanhar as grandes histórias por esses romances que são sempre mais extensos, com bem mais detalhes que os filmes podem reproduzir.

 

Homem-Aranha: Entre Trovões – Christopher L. Bennett

t1t1t1t1t5

 

Aqui foi possível conhecer bem mais da personalidade do “Aranha”. E fiquei bem feliz com que conheci. Adorei!

 

  X-Men – Espelho Negro – Marjorie M. Liu

t1t1t5t5t5

 

Até agora foi a mais chatinha, eu não me envolvi com os personagens, nem devorei a leitura eu apenas conclui para saber como se desenrolava. Espero mais nas próximas!


Homem de Ferro: Vírus – Alex Irvine

t1t1t5t5t5

 

Não gostei nadinha dessa leitura, só a parte da ação mesmo. Uma pena!

 

 

Bjins e até mais!! 😚

Para mais sobre as minhas leituras: Skoob e Goodreads

#JornadaMLV

Desde que participei da minha primeira Maratona Literária há dois anos, não perco a oportunidade de participar de outras, Por que leio muito mais que o normal? Não, eu até leio mais, mas não é nada espetacular. (Sem flop no meu currículo, até agora.) Então por que sempre participo? Por que ler é muito bom e eu amo, mas acompanhado de outros amantes da leitura é muito mais divertido.

A palavra de ordem para Maratonas literárias na minha opinião é Diversão!

Já é tradição as maratonas (MLV e MLI) organizadas pelo Victor Almeida, e quase sempre com ajuda dos amigos dele que embarcam em cada uma das loucuras que ele inventa e nós amamos.  

victor almeida #JornadaMLV (@victoralmeidap) | Twitter

Janeiro é mês de Maratona Literária de verão, que esse ano será chamada de #JornadaMLV, e eu estou mais certa que os Reis e Rainhas desse reino. Fiz minha inscrição logo que abriu. Dessa vez não será uma competição, mas tivemos que escolher um Reino (as categorias é que diferem uma da outra). Eu escolhi #Arcania antes mesmo de saber quais seriam os desafios. 

Inicio as 00:00 do dia 13 até dia 27 de Janeiro: Mais informações, clica aqui.

Minha TBR:

 Ler um livro que era pra ter lido em 2017:
Como Parar o Tempo – Matt Haig

 

Ler um livro com hype antigo:
Por Lugares Incríveis – Jennifer Niven

 

Ler um livro da atualidade:
Suicidas – Raphael Montes


Ler um livro de um autor que você nunca leu antes:
Nossas Noites – Kent Haruf

 

Ler um conto:
Só os Animais Salvam – Ceridwen Dovey

Protagonista Feminina:
Silêncio – Richelle Mead

.

Eu gostei tanto, achei tão incrível tudo isso que o Victor criou, que resolvi montar uma TBR para #Galtero também. Calma não fiquei louca, não vou ler 12 livros durante a jornada, deixarei como TBR de fevereiro.

Um livro de um autor popular:
Três Semanas Com Meu Irmão – Nicholas Sparks

 

Um livro comprado em uma promoção:
Os Adoráveis Trapalhões – Luís Joly

 

Um livro que aparentemente, só você conhece:
Um otimista incorrigível – Michael J. Fox

 

Um livro que você sempre teve medo de ler:
Os Meninos da Rua Paulo – Ferenc Molnár


Autor nem brasileiro nem americano:
O nadador – Joakim Zander


Indicado por booktuber:

Suzy e as águas-vivas – Ali Benjamin

 

Uma ótima maratona a todos!

Para mais sobre as minhas leituras: Skoob e Goodreads

                                      Bjins e até mais!! 😚

 

Favoritos Dezembro de 2017.

Hora de fazer aquele balanço do mês dos lidos e assistidos e eleger os favoritos! (Livros e temporadas de séries terminadas esse mês.)

 

Lidos:  

  • Corte de Espinhos e Rosas – Sarah J. Mass  
  • Chico Bento: Arvorada – Orlandeli jjg
  • Uma Sombra Ardente e Brilhante – Jessica Cluess
  • Meus Desacontecimentos – Eliane Brum

Assistidos (Filmes): 

  • Kung Fu Panda 3
  • Natal dos Coopers
  • Liga da Justiça
  • Extraordinário jjg
  • Bright
  • Cartão de Natal

Assistidos (Séries): 

  • Riverdale – 1ª temporada.
  • Nashville – 5ª temporada.
  • The Mick – 1ª temporada.
  • Stitchers – 3ª temporada. (Series Finale)
  • Fuller House – 3ª temporada. jjg
  • Pure Genius – 1ª temporada. (Series Finale)
  • The Blacklist: Redemption – 1ª temporada. (Series Finale)

 

Citação do mês:

“Antes de nos assombrar, os monstros eram humanos. Eles nos assustam pela lembrança da sua humanidade. A monstruosidade é o que nos ajuda a suporta-los.” (Meus Desacontecimentos – Eliane Brum)

 

Momentos especiais do mês:

    • CCXP2017
      Não poderia ficar de fora, mais uma vez épico! 

 

Para mais sobre as minhas leituras: Skoob e Goodreads

                                      minhas séries assistidas: Banco de série e TV show time

                                      meus filmes assistidos: Filmow e Letterboxd

Bjins e até mais!! 😚

Tag Premiação Literária.

Eita! Que 2017 acabou, mas 2018 já está aí batendo na porta e que ele seja muito bem-vindo, que tenhamos todos, um ano melhor de muitas conquistas e aprendizados (menos catastróficos, por favor!) Para terminar o ano, escolhi responder a Tag Premiação Literária criada pelo canal Mundo Impressos (Que tem um nome incrível!) e foi lá mesmo que eu assisti. Vão lá conhecer também!
Melhor Capa: 
A Longa Viagem a Um Pequeno Planeta Hostil – Becky Chambers.
Melhor Adaptação:
Extraordinário. 
Melhor livro de não-ficção: 
Para Poder Viver – Yeonmi Park.
Melhor coadjuvante feminina: 
Rita; Mãe do Felipe. (Quinze Dias – Vitor Martins).
Melhor coadjuvante masculino:
A Tripulação masculina. (A Longa Viagem a Um Pequeno Planeta Hostil – Becky Chambers).
Melhor Mensagem/Moral: 
Amizade e Esperança, são só duas mensagens desse livro lindo! (Ecos – Pam Muñoz Ryan).
Melhor Autora: 
Kiersten White – Filha das Trevas.
Melhor Autor:
Charles Martin – Depois Daquela Montanha.
Eu li esse livro tão fascinada pela narrativa, o autor me envolveu tanto, que tive reações físicas com a leitura. 
Melhor Universo:
Coração de Aço – Brandon Sanderson.
Melhor Protagonista Feminina:
Cam (Vacas – Dawn O’Porter).
Melhor Protagonista Masculino:
Salvador (A Lógica Inexplicável da Minha Vida – Benjamin Alire Sáenz).
Melhor Gênero: 
Miscelânea. Não tenho um gênero favorito na vida e nem no ano.
Melhor Trilogia ou Série:
Guerras Secretas/Marvel Comics – Alex Irvine
Não li muitas continuações esse ano, então escolhi um de uma coleção. Que eu tenho muitas surpresas boas e ruins. rs
Melhor Livro Nacional: 
O Garoto dos Olhos Azuis – Raiza Varella.
Melhor Livro: 
Americanah – Chimamanda Ngozi Adichie.
É isso.
São muitas leituras incríveis, tentei não repetir os livros para falar o máximo de livros diferentes e consegui essa formação, mas sei que não posso reler essa lista mais vezes. Eu faria trocas, certeza! rs.
 

Para mais sobre as minhas leituras: Skoob e Goodreads

                                      Bjins e até mais!! 😚

Li Tartarugas Até Lá Embaixo – John Green.

  

Tartarugas Até Lá Embaixo – John Green

t1t1t1t1t5

 

 

Mais uma leitura para o Clã, o projeto de leitura conjunta dos amigos: Victor AlmeidaPaulo Ratz,  Vitor MartinsMay Sigwalt e Thereza Andrada.

Sabe a tal da empatia que lemos e ouvimos por aí? Essa historia traz aos leitores exatamente isso, você se põe no lugar dos personagens o tempo inteiro, você sente exatamente o que o personagem está sentindo. O autor faz isso com uma maestria sem igual, com toda certeza esse é o ponto alto, o troféu dourado dessa leitura.

“Qualquer um pode olhar para você, mas é muito raro encontrar quem veja o mesmo mundo que o seu.” 

A história tem sua dose de mistério, primeiro amor e uma amizade linda, dessas reais, onde nenhuma das partes é perfeita. Todos temos nossos problemas, e se não pudermos contar com que chamamos de amigo, com quem poderemos? Eu me identifiquei demais com alguns diálogos dessas duas amigas. Aliás os diálogos são incríveis! Ponto para o John Green.

Esse é um daqueles livros necessários, ele retrata o TOC de uma forma que eu nunca tinha visto antes, é assustador os que essas pessoas passam. Eu senti medo, angustia, desespero lendo o que a Aza passava, imagina passar de fato por tudo isso?

“O verdadeiro terror não é ter medo, é não ter escolha senão senti-lo.” 

Só para finalizar: Se você por um, a caso não gosta de quadros tortos, itens fora do lugar, leia essa livro e você vai perceber que é só isso: Você não gosta de coisas desorganizadas, e não você não tem TOC, e caso tenha de fato procure ajuda e fique com todo o meu carinho.

 

Bjins e até mais!! 😚

Para mais sobre as minhas leituras: Skoob e Goodreads

TAG: 30 SÉRIES.

Resolvi que já era hora de responder uma Tag por aqui, e escolhi uma sobre um assunto que eu já contei o quanto eu amo: Séries. Penso que essa é uma forma legal de contar quais eu assisti, ando assistindo, etc.

Eu assisti e peguei as perguntas lá no Canal Pausa para um café. Que aliás é uma de Bones, assim como eu. (Ops, spoiler! rs.) 

1. Sua série favorita.

Bones.
É a minha queridinha, eu adoro todo os desenvolvimento dos personagens ao longo das temporadas, dos casos… É amor! 

2. A melhor série que você esta assistindo no momento.

Não tenho como responder.
Eu assisto uma série por vez. (temporadas completas.)

3. Uma série que você não gosta.

Friends. 
Eu não gosto desse tipo de seriado, é estranho, os seriados de comédia que eu acompanho, são os que me trazem alguma nostalgia ou os que tem um drama que me chame atenção… Não me matem!

4. Uma série que você só assiste quando não tem nada pra fazer.

New Girl.
Eu amo a Jess e o seu não relacionamento com o Nick. rs

5. Uma cena de série que fez você chorar.

Chicago Fire.
Difícil escolher uma cena. (São muitas cenas comoventes!)
Para tentar sair do obvio, vou com as cenas lindas de amizade que só Chicago fire sabe fazer.

6. Uma série de Terror.

Haven.
Eu não assisto séries de Terror, assisto algumas sobrenaturais e Sci-Fi que na classificação é definido como terror, mas não tem nada apavorante. Escolhi um dessas para não ficar sem resposta.

7. Uma série de Ação.

Flashpoint.

8. Uma série de Ficção.

The Shannara Chronicles.
Eu só assisto ficção praticamente, então escolhi uma que é bem fantasiosa.

9. A série mais antiga que você assistiu.

Barrados no baile.
Meu primeiro amor. ❤️

10. Seu personagem de série preferido.

Steve McGarrett de Hawaii Five-0 .

11. Um personagem de série que você odeia.

Tom Keen de The Blacklist.

12. Uma série que deixou saudades.

Being Erica.

13. Uma séries que você desistiu de assistir.

Suits.
Assisti as 3 primeiras temporadas e eu estava gostando, mas começou a repetição e aí começou a cansar e larguei!

14. Uma série da qual você viu todos os episódios.

Army Wives.
Eu assisto todos de todas que eu acompanho, mas escolhi uma série que já foi cancelada e que eu ainda não tinha citado aqui.

15. A última série que você começou a assistir.

Bull.

16. Melhor abertura de série.

Pushing Daisies.

17. Uma série que já poderia ter acabado.

Once Upon a Time.
Eu amo, e se tiver mais 8 temporadas eu vou continuar assistindo, mas já deveria ter acabado!

18. Uma série que não deveria ter acabado.

Rookie Blue.

19. Uma série que nem deveria ter começado.

Everybody Hates Chris.

20. Uma série que foi cancelada e você gostava muito.

Common Law.
E muitas outras que só tem uma temporada, por que fazem isso? 😕

21. Uma série que todo mundo curte, menos você.

Game of Thrones.

22. Uma série que ninguém curte, mas você, sim.

Scorpion.
Eu amo esses personagens, essa trama. Mas não vejo ninguém falando da série.

23. O personagem de série mais engraçado.

Walter O’Brien de Scorpion.

24. Uma série que você não entende.

Revenge.
Eu não entendo aquela última temporada, por que ela existe? A Série é muito boa, mas para mim acabou na 3ª temporada. a 4ª é totalmente desnecessária. 

25. Um personagem de série que lembra alguém.

26. Uma série que você nunca assistiu.

The Walking Dead.
Eu assisto muitos pilotos, para escolher o que entra na minha grade ou não, mas essa eu não assisto nadinha.

27. A série com a melhor trilha sonora.

Smash.

28. Sua série preferida na infância.

Caverna do dragão e Full House.

29. Uma série que deveria virar filme.

Breaking Bad.

30. Indique uma série.

Chicago Med, Chicago PD, Arrow, Alphas, ER, Hart of Dixie, Fuller House, Gotham, Heartland, Stranger Things, This Is Us, Orphan Black, Elementary, Three Rivers e The Flash são mais algumas das minhas favoritas e que eu não citei antes. E tem muitas mais! 🙃

 

Mais sobre séries: Banco de série e TV show time             

Bjins e até mais!! 😚